Seja bem vindo ao Gyllenhaalics, um blog totalmente dedicado ao ator Jake Gyllenhaal, que é conhecido por grandes filmes como Donnie Darko, Soldado Anônimo, O Segredo de Brokeback Mountain, Zodíaco, O Abutre e muitos outros. Obrigado pela visita e aproveite!

Fatos divertidos sobre Príncipe da Pérsia

O site tv.com listou os alguns fatos divertidos sobre as filmagens de Príncipe da Pérsia - As Areias do Tempo:



PONTARIA ALTA- O primeiro local de filmagens de "Príncipe da Pérsia - As Areias do Tempo", foi a uma altitude de 8.200 pés na aldeia de uma montanha de Oukaimden no Alto Atlas, cercado por comunidades indígenas berberes. O elenco e a equipe precisou adaptar-se antes de prosseguir com a as cenas de ação que exigiam serem filmadas lá.

AS AREIAS DO TEMPO, SEM DÚVIDA - A produção enfrentou tempestades de areias ferozes em Little Fint, fora de Ouarzazate, Marrocos.

QUENTE - Marrocos ofereceu uma temperatura de mais de 100º graus Fahrenheit(cerca 37.78 °C) durante a produção. Tendas climatizadas foram erguidas na escola Lycée Hassan II, em Marraquexe. Uma, que era do tamanho de um campo de futebol, foi construída apenas para o guarda-roupa, cabelo e maquiagem para os extras do filme. E uma tenda ao lado foi construída apenas para a lavagem e secagem. A temperatura chegou à 124ºgraus(cerca 51º graus Celsius) no último dia de filmagem no Marrocos. De acordo com Gregoire Mouveau, chefe do Recursos do Marrocos, durante as filmagens de "Príncipe da Pérsia", a equipe consumiu 1.114.894 garrafas de água.

AVESTRUZES - Haviam avisos durante a produção no Marrocos: 'Por favor não toque nos avestruzes' ou 'Cuidado - cobras & escorpiões podem ser encontrados abaixo e em volta das rochas. Seja cauteloso. "

ALDEIA - No Marrocos, havia um elenco de 1.350 pessoas como membros da tripulação, incluindo 800 marroquinos locais. Adicionando a isso 500 pessoas trabalhando na pós-produção, o elenco, a tripulação total chegou a mais de 1.850.

O CARA DAS COBRAS - Um marroquino local foi contratado para "limpar" as áreas de filmagens de serpentes e escorpiões. Vestia uma camiseta estampada com "Snake Dude", ele era fácil de detectar.

TERRAS MARCADAS - O mercado de Nasaf e a entrada da cidade foram construídas junto do Patrimônio Mundial Ait Ben Haddou, tombado pela Unesco, mas a estrutura original foi alterada pelos cineastas.

PUNHAIS - Cerca de 20 versões diferentes do punhal que detém o Sands of Time foram confeccionadas para o filme - as versões do "herói", eram feitas de aço, e versões de látex, criada para cenas de ação.

CORRIDA DE AVESTRUZ E ROMANCE - A única cena outra cena de corrida de avestruz que não foi feita para "Príncipe da Pérsia foi para um outro filme da Disney - a versão 1960 de "A Família Robinson." O momento em que Alfred Molina, como Xeique Amar, beija seu avestruz favorito no pescoço foi completamente espontânea. "Eu pensei que eu que meus olhos seriam arrancados para fora", conta Molina ", ou que iria parecer um momento engraçado."

DIRETO NA FONTE - Instrutor do filme para as cenas de parkour não é outro senão David Belle, o criador do parkour.

UM JOGO DE NÚMEROS - O conjunto exterior de Alamut, desenhado por Wolf Kroeger, foi construída em torno de paredes reais de 700 anos da vila de Tamesloht, 20 quilômetros a sudoeste de Marrakesh. Requeriu 30 quilômetros de tubos de andaime e 400 toneladas de gesso, com 350 membros da equipe trabalhando na construção. Os afrescos coloridos e pinturas dos murais que adornam os sets foram pintados em sete semanas. O set de Alamut Eastern Gate foi construído nos estúdios Pinewood, em Londres, foi projetado por Wolf Kroeger, exigiu 3000 de 8/4 folhas de pé-de-madeira, 70.000 pés de 3/1 polegada de madeira e 40 toneladas de gesso para moldes de fundição. Ele foi construído em 14 semanas.

ARMADO E PERIGOSO - O armeiro Richard Hooper e seu departamento fabricaram 3.500 itens individuais, incluindo espadas, escudos, lanças, machados, flechas, arcos, punhais e armas Hassansin.

ÉPICO A.D. - Quem trabalhou no filme durante alguns dias no Pinewood Studios na Inglaterra foi o lendário diretor britânico Michael Stevenson, que sabe uma coisa ou duas coisas sobre épicos, tendo trabalhado nos filmes "Lawrence da Arábia", "A Queda do Império Romano", "Doutor Jivago "," A Carga da Brigada Ligeira "e" Barry Lyndon ".

ROUPAS - Com mais de 7.000 trajes criados e fabricados para o filme, o departamento figurinista comandado por Penny Rose ultrapassou o guarda-roupa de "Piratas do Caribe", filmes em que ela também atuou como figurinista.

TRUQUES DO COMÉRCIO - Os casacos patchwork usados por Alfred Molina foram feitos de colchas indianas costuradas. Seu visual rasgado, revelando as diferentes camadas de tecido, foram feitas com raladores de queijo. Outros trajes foram envelhecidos ao jogá-los em um misturador de cimento com pedras.

ROUPAS MULTI-CULTURAIS - A figurinista Penny Rose encontrou os tecidos utilizados nos trajes do filme em locais tão diversos como Índia, Tailândia, Itália, França, Malásia, China, Grã-Bretanha e, claro, Marrocos.

ROUPA NOVA PARA O TIO - O personagem que teve mais mudanças no guarda-roupa não é Tamina, interpretada pela bela Gemma Arterton, mas Nizam, interpretado por Sir Ben Kingsley.



Fonte: Tv.com

Nota: Sir Ben Kinsgley interpreta o tio de Dastan(Jake Gyllenhaal) no filme.

Nenhum comentário:

Postar um comentário