Seja bem vindo ao Gyllenhaalics, um blog totalmente dedicado ao ator Jake Gyllenhaal, que é conhecido por grandes filmes como Donnie Darko, Soldado Anônimo, O Segredo de Brokeback Mountain, Zodíaco, O Abutre e muitos outros. Obrigado pela visita e aproveite!

DVD e Bluray de Contra o Tempo disponíveis para pré-venda

5 comentários


O dvd e o bluray do filme Contra o Tempo chegarão as lojas de todo o país para compra no dia 19 de abril, mas você já pode comprar antecipadamente em alguns sites especializados, pois já estão disponíveis para pré-venda.

fonte: 2001 vídeo

Los Angeles

Jake Gyllenhaal fazendo compras:


E num posto de gás:


Fonte: IHJ

Almoço no Urth Cafe

Nenhum comentário

Jake Gyllenhaal deixando o Urth cafe em Los Angeles:





Fonte: IHJ

O sucesso de Time to Dance

2 comentários

Mesmo depois de uma semana, as pessoas ainda continuam falando sobre o clipe Time To Dance.

A revista francesa Les Inrockuptibles  publicou um pequeno artigo sobre o clipe:


Fiz um pequeno resumo do que foi dito:

1. "Ei, você viu Jake Gyllenhaal no vídeo da música Time to Dance do The Shoes?" Essa foi a frase mais banal da semana passada. Como o nome da música não indica, o vídeo mostra Jake Gyllenhaal, portando qualquer raiva reprimida, usando uma roupa de esgrima para se tornar um assassino de hipsters e, bem, estar numa sauna sozinho não é um sinal de boa saúde mental. Enquanto a música é animada, o clipe mostra um pouco de ansiedade, como evidenciado por esta imagem em um corredor, com uma roupa de esgrima, lembrando Alex de Laranja Mecânica.

2.  Jake Gyllenhaal interpreta um personagem clássico: o sociopata bonito. Exemplos brilhantes não faltam, como Coringa em Batman - O Cavaleiro das Trevas, Norman Bates em Psicose, Dexter em Dexter, Patrick Bateman em Psicopata Americano. O autor de Psciopata Americano, Breast Easton Ellis, elogiou o clipe no twitter:

'Eu realmente gosto muito disso. Impressionado como é assustador, divertido e cativante. Jake Gyllenhaal  é impressionate!'

'O melhor vídeo clipe que vi em anos. Divertido, sexy e cru!'

 Uma espécie de cavaleiro, portanto, para Jake, que também deve agradecer à Ryan Gosling por ter aberto caminho para a moda do belo assassino taciturno que esmaga a todos com um ar enigmático.

3.  O clipe foi muito bem recebido nos EUA. Todos ficaram impressionados com a performance de Jake Gyllenhaal, fazendo com que o clipe tivesse mais de 400 mil visualizações em um dia. 

Atualmente o clipe já rompeu a marca de mais de um milhão de visualizações.


Fonte: The Shoes

Jake Gyllenhaal em negociações para atuar em An Enemy

3 comentários

Variety está relatando que Jake Gyllenhaal está em negociações para estrelar An Enemy:


Jake Gyllenhaal em negociações para ' An Enemy':

Antes de dirigir Hugh Jackman em "Prisoners", Denis Villeneuve irá trabalhar no indie "An Enemy", com Jake Gyllenhaal em negociações para estrelar.

Javier Gullon está escrevendo a adaptação baseado no romance "The Double", de José Saramago. A história gira em torno de um professor de história disfuncional que, acidentalmente, descobre o seu sósia em um DVD alugado, procura-o e acaba transformando a vida de ambos de cabeça para baixo.

Niv Fichman da Rhombus Media produzirá junto com Miguel Angel Faura da Roxbury Pictures, em associação com Mecanism Films em Madrid. 


Aliance Films vai distribuir no Canadá e Pathé no Reino Unido e França. Pathé também irá lidar com as vendas internacionais.

Gyllenhaal irá desempenhar dois papéis no filme, descrito por fontes como "escuro e irritante".


fonte: Variety

Como dito acima, o filme será baseado no livro O Homem Duplicado de José Saramago. Abaixo a sinopse do livro:

O professor de história Tertuliano Máximo Afonso descobre, certo dia, que é um homem duplicado. Ao assistir a um ví­deo, ele se reconhece em outro corpo, idêntico ao dele próprio: um dos atores do filme é seu sósia. Os desdobramentos dessa história são imprevisí­veis. Mas o romance de José Saramago, esclareça- se logo, não tem nada a ver com clonagem ou outras experiências de laboratório. O que está em jogo é a perda da identidade numa sociedade que cultiva a individualidade e, paradoxalmente, estabelece padrões estreitos de conduta e de aparência. Em O homem duplicado, José Saramago constrói uma ficção extraordinária, apoiada numa questão extremamente atual e inquietante: a perda do eu no mundo globalizado.

Fonte: Sinopse do livro

Diretor de Time to Dance fala sobre Jake Gyllenhaal

2 comentários


"Jake Gyllenhaal e eu estávamos conversando sobre trabalhar juntos em algo, e eu fui convidado para 'Time To Dance' pelo The Shoes, que é minha banda favorita, então eu queria trazer Jake para isso", explicou ' Time to Dance ' diretor Daniel Wolfe, em entrevista à Spinner / RPM. "Eu apresentei a idéia a ele, e ele gostou, o que foi ótimo."

Meu irmão e eu estávamos conversando sobre fazer uma tomada britânica sobre o gênero slasher (sub-gênero de filmes de terror quase sempre envolvendo assassinos psicopatas que matam aleatoriamente) por um tempo, mas como um videoclipe e, em vez de vê-lo a partir da perspectiva da vítima, queria com o assassino, passar algum tempo de inatividade com ele ", continuou o diretor. "Para, em seguida, ser capaz de trabalhar com Jake Gyllenhaal em que foi ótimo. The Shoes possui uma música que é muito cinematográfica, tive o privilégio de trabalhar com eles antes , eles estão abertos a idéias, e eles nos deram a liberdade para fazer 'Time to Dance.


Fonte: Spinner



Bandeira do Brasil

Mais um motivo para você assistir o clipe de Time to Dance: a bandeira do Brasil aparece no clipe!

Jake Gyllenhaal em Nova York

3 comentários

Jake Gyllenhaal passeando pelas ruas de Nova York:


Para ver mais: IHJ

Vídeo da música Time to Dance

6 comentários

Divulgado esta manhã o clipe da música Time To Dance:




Nota: A bandeira do Brasil aparece no clipe!

Jake Gyllenhaal não irá mais atuar em Motor City

3 comentários


O site deadline está relatando que Jake Gyllenhaal não irá mais atuar em Motor City. Motivo? O ator queria adiar o inicio das filmagens, marcadas para abril, mas os produtores disseram não.

Fonte: Deadline

Primeira imagem de Jake Gyllenhaal no vídeo clipe Time To Dance

3 comentários

A banda francesa The Shoes divulgou a primeira imagem de Jake Gyllenhaal no vídeo clipe Time to Dance:


O clipe estará online na segunda-feira, dia 12 de março.

Fonte: The Shoes

Jake Gyllenhaal em negociações para atuar no thriller Motor City

3 comentários

Segundo informações da Variety, Jake está em negociações para atuar no thriller Motor City:


O thriller de vingança terá direção de Albert Hughes (Do Inferno, O Livro de Eli). Na trama, um bandido de segunda categoria (Gyllenhaal) vai parar na prisão por um crime que não cometeu - e ao sair decide se vingar. Amber Heard (Fúria Sobre Rodas) faz a "mocinha" do filme e Gary Oldman (O Espião que Sabia Demais), o vilão.

O roteiro escrito por Chad St. John entrou na Black List de 2009, a lista informal de melhores roteiros não-filmados, feita por executivos de Hollywood. Motor City é o segundo roteiro da Black List que Hughes tenta tirar do papel. O outro, Broken City, que entrou na lista em 2008, está sendo filmado atualmente com Mark Wahlberg como protagonista.

As filmagens de Motor City devem começar em abril, com locações em Berlim.



A informação mais interessante sobre o roteiro do filme é que ele tem apenas cinco linhas de diálogos, ou seja, é um filme quase mudo.

Fazendo uma breve pesquisa, encontrei uma entrevista antiga com o roteirista falando um pouco sobre isso:

Você também escreveu um script chamado "Motor City", que tem apenas 75 páginas e não tem quase nenhum diálogo. Você pode nos dizer por que você decidiu escrever o roteiro e por quê você acha que foi tão bem recebido. Além disso, qual é o status do projeto?

Chad St. John: Honestamente, não foi idéia minha[ter poucos diálogos]. Greg Silverman da Warner Bros, um cara bad ass, que teve. Depois de alguns dias eles compraram e eu tinha reescrito com base em suas notas... Eu pensei que era crucial seguir com algo tão único. Assim, Greg joga essa idéia para mim. Então, ele diz as palavras mágicas ... "e não há diálogo." Um filme de vingança "silenciosa". Eu disse sim antes que ele terminasse a frase. O artista em mim agarrou a chance... Foi audacioso e corajoso. 


É claro, passei uma semana batendo a cabeça em uma mesa na frente do computador, "Que diabos eu fiz?" Por que foi tão bem recebido? Eu me senti humilhado. Verdadeiramente. Eu ainda sou. Eu acho que parte do que é, definitivamente, que era tão corajoso e diferente. Talvez fosse um lembrete de que um script não precisa ter uma explosão de um minuto. Ou, até mesmo o diálogo. Você terá que perguntar a todos que gostaram dele.

Eu o reescrevi para a Dark Castle (produtora). E, sim, adicionei diálogo. Estou muito feliz com a forma como ele é bem vinda. Nós ainda ir e voltar para qual versão é a certa para ser feita. Eu suspeito que poderia ser uma versão que combina diálogos e versões sem diálogos. Vamos ver.


Fonte: Variety, Omelete e Script Shadow

Detalhes do roteiro de End of Watch

Um comentário

O site especializado em resenhas de roteiros, Script Breaker, publicou no ano passado alguns detalhes do roteiro do que nos iremos ver no filme End of Watch. Se você é daquele tipo que não gosta de spoilers, não leia:



Quando se trata de dramas policiais de Los Angeles, ninguém faz isso melhor do que David Ayer. De Dia de Treinamento para Harsh Times, o homem sabe o que está fazendo. E mesmo quando você tem medo de que ele está minando este material até a morte e a próxima história será redundante sobre o que veio veio antes, ele consegue sempre encontrar uma tomada fresca.

Sua tomada fresca aqui é o uso de câmeras de vídeo para contar a história, um dispositivo retirado do gênero horror em filmes como A Bruxa de Blair e, mais recentemente em Atividade Paranormal . Quando me dei conta que cada cena tinha algum tipo de câmera estática revelando a tomada, eu encolhi. Não é outro filme com uso de câmera de vídeo, pensei. Qual a razão do uso de câmeras domésticas? Um dos dois personagens principais, Oficial Taylor, está fazendo um projeto de um filme para uma classe de faculdade, ele está trabalhando por meio de um programa chamado pré-lei. Então ele usa todas essas câmeras em sua viatura e sobre si mesmo? Ele parecia se estender a credulidade um pouco. Mas conforme lia, esqueci o dispositivo e apenas foquei na história.

A trama envolve dois policiais e parceiros, Brian Taylor (Jake Gyllenhaal) e Mike Zavala (Michael Peña), que patrulham e combatem o crime em Los Angeles. Eles conseguem "quebrar" uma rede de contrabando ilegal de imigrantes. Eles salvam algumas crianças de uma casa em chamas. Em seguida, fazem uma verificação de segurança em uma casa. O script parece muito episódico, desta forma, e, portanto, muito fiel à realidade. Mas também é muito intrigante, e logo nos encontramos se preocupando com estes dois amigos, um branco e um hispânico, de duas culturas muito diferentes que são verdadeiramente homens bons que querem agir corretamente. A trama principal envolve duas quadrilhas de traficantes rivais, uma negra e uma hispânica, e como os nossos dois protagonistas se encontram nesse meio.

A história também se concentra em suas vidas pessoais. Zavala é casado com uma mulher forte, que apenas deu à luz a seu primeiro filho. Taylor se apaixona e se casa. Ayer também demonstra a camaradagem que os agentes têm um pelo outro, tanto dentro como fora da polícia.

Eu não quero dar a história inteira, mas deixe-me dizer depois que tudo acabou, eu apreciei a escrita David Ayer ainda mais do que eu tinha antes. Ele é muito inteligente, e o uso de câmeras de vídeo doméstico funciona muito bem aqui. Dado o modesto orçamento necessário e o poder de estrela de Gyllenhaal, que veio de um filme crítica e comercialmente bem-recebido, espero que End Of  Watch faça bem bem nas bilheterias, como ele merece fazer com base neste inteligente e focalizado roteiro.


Fonte: Script Breaker

Data de lançamento de End of Watch

12 comentários

O site Collider acaba de divulgar a data de lançamento do filme End of Watch nos Estados Unidos:

Open Road Films lançará o drama pilicial de David Ayer, End of Watch, no dia 28 de setembro. De acordo com a press release, o filme é estrelado por Jake Gyllenhaal e Michael Peña que interpretam os jovens policiais de Los Angeles, Taylor e Zavala, que patrulham as ruas da cidade de South Central em Los Angeles. O filme também é estrelado por Anna Kendrick, Frank Grillo e America Ferrera.

Fonte: Collider